Reumatismo

Não é uma doença, mas sim um conjunto de mais de 200 patologias (doenças reumáticas) que provocam dor ou incapacidade funcional nas articulações, músculos, tendões e/ou ossos.


O termo reumatismo é utilizado para descrever a dor e a rigidez das articulações e de outras estruturas musculares e ósseas. Pode ser articular, quando afecta a cartilagem ou a membrana sinovial, ou não articular, se afectar os tendões, grupos musculares ou ossos.

Como sabemos que temos reumatismo?

Sendo o reumatismo, um conjunto de patologias, muitas possuem sintomas em comum, como dor, inchaço e restrição de movimentos. Algumas já possuem características mais específicas. Não há um exame específico para diagnosticar reumatismo. Diante dos sintomas do paciente e da sua história clínica o médico fará uma análise física cuidadosa e verificará se o problema é do foro reumatológico.

O diagnóstico precoce é uma das melhores formas de se evitar complicações. Isto porque a grande maioria das doenças, quando detectadas previamente, podem ser controladas ou até mesmo sanadas antes de dar início a transtornos consideráveis. Muitas vezes podemos estar a sofrer de um distúrbio sem saber, já que podemos considerar tal dor normal.

Exames de sangue e exames de imagem, como ultrassonografia, raio-x e ressonância magnética, por exemplo, auxiliam o médico a verificar as causas e os motivos do incómodo que o paciente vem sentindo. Após se chegar a um diagnóstico é preciso dar início ao tratamento o quanto antes. Este ajuda no combate a dor e até mesmo soluciona algumas causas do problema.

 Sintomas

Apesar da variedade de tipos de reumatismo os sintomas costumam ser bastante parecidos. O que muda são os locais acometidos, as funções atingidas e o tamanho da área afetada, por exemplo. Os principais sinais que surgem são:

  • Dor;
  • Inchaço;
  • Calor local;
  • Rigidez (geralmente pela manhã);
  • Fraqueza nos músculos.

Dependendo do reumatismo pode-se observar também quadros de dor de cabeça, lesões na pele,  emagrecimento, febre e muito cansaço. Estas doenças não são contagiosas. A grande maioria é agravada devido a fatores como alterações climáticas, stress, depressão, traumatismos, sedentarismo, ansiedade e obesidade, por exemplo.

 

Prevenção 

Em casos de reumatismo de origem hereditária deverá existir uma constante monitorização do corpo para que os transtornos sejam atempadamente amenizados.

Manter a higiene corporal ajuda na prevenção de reumatismos do tipo infeccioso, por exemplo.  Uma boa alimentação é indicada para a prevenção não somente desta como de diversas outras doenças, já que um corpo saudável é um corpo mais protegido. Trabalho intenso, movimentos repetitivos ou esforços excessivos podem acabar por desenvolver reumatismo degenerativo.

A obesidade ajuda muito no surgimento destas complicações, assim como o sedentarismo. Adquira o hábito de praticar atividades físicas e mantenha uma dieta equilibrada.

 Tratamento

O uso de medicamentos como analgésicos e anti-inflamatórios auxiliam no combate à dor. A fisioterapia é uma prática adotada para reeducar fisicamente o corpo e para ajudar no retorno dos movimentos. A Hidroterapia  e Piscina de Hidromassagem são também indicadas, já que ajuda no relaxamento muscular e também promove o reforço dos músculos. Compressas de gelo, massagens, alongamentos e mobilizações articulares são outras medidas que podem ser tomadas no intuito de reduzir os incómodos do reumatismo, mas estes devem ser sempre explicados ou acompanhados pelo seu fisioterapeuta.

Além disto, é fundamental ficar atento a quaisquer sinais que o corpo nos possa transmitir.

 

Contactos

(+351) 212 905 655
(+351) 916 189 585
geral@thalassocaparica.com


Av. 1º Maio 25-A
2825-397 Costa da Caparica
Portugal